Aumento de casos de síndrome gripal em Ubatuba preocupa Secretaria de Saúde

Secretaria de Saúde do município pede que cuidados sejam redobrados para evitar novas medidas restritivas

Para conter o aumento de casos de síndrome gripal na cidade, a Secretaria Municipal de Saúde pede que moradores e turistas reforcem os cuidados preventivos, com uso correto de máscara, higienização das mãos e distanciamento social. Somente nesta quinta-feira (6), as unidades de saúde da cidade contabilizaram 740 atendimentos de síndrome gripal.

O surto de gripe tem preocupado as autoridades de saúde e aumentado a taxa de ocupação da Santa Casa, com muitos pacientes suspeitos de gripe H3N2, uma variante do vírus Influenza. Cinco casos da doença já foram laboratorialmente confirmados no município, que realiza o exame apenas em pacientes internados, conforme o protocolo estadual.

Para o médico Dr. Danilo Bargieri, diretor técnico da Santa Casa de Ubatuba, além dos cuidados básicos utilizados também na prevenção da Covid-19, é importante que a população evite lugares fechados e não compartilhe utensílios de uso pessoal, como copos, talheres e travesseiros. “A situação é realmente preocupante e novamente precisamos contar com a colaboração de todos. Em Ubatuba, é indicado ainda evitar as praias da região central, que costumam atrair o maior número de banhistas e diminuir a aglomeração em supermercados, feiras e farmácias, elegendo apenas um representante da família para realizar as compras”, explicou o médico.

Na próxima segunda-feira, dia 10, todos os postos de saúde de Ubatuba atenderão casos de síndrome gripal das 13h às 17h. A nova medida de expandir os atendimentos prevê mais agilidade nas consultas, sem que o paciente tenha que se locomover em grandes distâncias. O objetivo é que as pessoas procurem os postos de saúde mais próximos de suas residências ao apresentarem sintomas leves de gripe ou resfriado.

De acordo com a secretária adjunta de Saúde, Tatiana Mansur, as medidas de prevenção contra a gripe e a Covid-19 não podem ser afrouxadas a fim de evitar o retorno das medidas restritivas no município. “Estamos monitorando diariamente os números de atendimentos e os casos positivados de H3N2 e Covid. A vacinação contra a Covid segue ocorrendo em nosso município com aplicação de todas as doses e, a partir de segunda-feira, colocaremos os postos de saúde para reforçar os atendimentos de síndrome gripal. A Secretaria de Saúde tem trabalhado para conter o avanço dessas doenças, mas precisamos da colaboração dos moradores e turistas para que a cidade possa continuar avançando para o fim das medidas sanitárias restritivas”, finalizou Mansur.